Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

fado positivo

Porque não estamos condenados a ver sempre o copo meio-vazio, aqui só se destaca o copo meio-cheio

fado positivo

Porque não estamos condenados a ver sempre o copo meio-vazio, aqui só se destaca o copo meio-cheio

Fonte OCDE

 

No estudo Divided We Stand: Why Inequality Keeps Rising, a OCDE apresent vários dados preocupantes sobre o crescimento da desigualdade nos países desenvolvidos nas últimas duas décadas. Mas há um país que salta à vista logo na primeira tabela do resumo do estudo:

 

 

 

Em Portugal os 10% mais pobres viram o seu rendimento aumentar 3,6%, um valor bem acima da média (1,3%) e apenas ultrapassado pela Espanha. Do outro extremo do espectro, os 10% mais ricos viram o seu rendimento aumentar apenas 1,1%.

Ou seja, houve uma diferença de 2,5pp entre o enriquecimento dos pobres e dos ricos, enquanto a média via a desigualdade a crescer com 0,6pp. Foram poucos os países onde os pobres também tiveram melhor sorte que os ricos, como em Portugal, mas nenhum se aproxima aos 2,5pp. O segundo melhor foi a Grécia, com 1,6pp.

2 comentários

Comentar post