E outra vez, a 22ª consecutiva: exportações sobem mais que importações

INE:

No período de Dezembro de 2010 a Fevereiro de 2011, as saídas de bens registaram face ao período homólogo (Dezembro de 2009 a Fevereiro de 2010) um aumento de 21,7% e as entradas de 13,4%, determinando um desagravamento do défice da balança comercial em 31,0 milhões de euros.

Se excluirmos os produtos petrolíferos (e é bom lembrar que Portugal até exporta produtos petrolíferos refinados), Portugal alcança já um saldo positivo no comércio extra-UE de 213 milhões de euros.

publicado por Miguel Carvalho às 12:30 | comentar | favorito