Maior criação de emprego desde que há registos

INE e JNegócios:

Desde 1998 que o INE regista o número de empregos em Portugal a nível trimestral - e nunca tinha sido observado um trimestre tão bom como o segundo trimestre deste ano. Face ao trimestre anterior foram criados 87,7 mil empregos em termos líquidos, um valor jamais atingindo. Só num trimestre, a taxa de desemprego caiu 1,2 pontos percentuais.

As boas notícias não se devem assim à emigração ou à saída de pessoas da população activa. Se fosse este o caso poderíamos ver uma descida de desemprego, mas não uma subida nos empregos. Não foi o que aconteceu de todos.

E as boas notícias também não se explicam pela chegada do verão e dos empregos sazonais. É que se compararmos os números com o 2º trimestre do ano passado também temos uma fortíssima queda no desemprego, menos 2,5 pontos percentuais, de 16,4% para 13,9%.

 

publicado por Miguel Carvalho às 15:00 | comentar | favorito