Eurostat destaca Portugal como tendo a maior quebra na mortalidade infantil

A propósito da publicação do anuário estatístico, o Eurostat lançou alguns dados contidos nele como publicidade. O primeiro destaque vai direitinho a Portugal: 

There were 4.7 cases of infant mortality per 1 000 live births in the EU27 in 2006, down significantly from 28.6 in 1965 and 12.8 in 1985. In all Member States, the infant mortality rates decreased between 1965 and 2007. The largest absolute falls in the rate were recorded in Portugal (from 64.9 infant deaths per 1 000 live births in 1965 to 3.4 in 2007).

publicado por Miguel Carvalho às 18:02 | comentar | favorito
tags: